Seguidores

TRADUTOR

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

VIDA E ORAÇÃO A SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT

SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT
(6 DE JUNHO)

ORAÇÃO A SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT (1)

São Marcelino Champagnat, durante a vossa vida caminhastes na presença de Deus, cheio de fé e profunda confiança filial na proteção de Maria, e fostes misericordioso para com o próximo, cheio de amor e carinho pelos pobres e pequeninos, os prediletos de Deus.
Por isso, com grande confiança nos dirigimos a vós.
Consegue-nos do Senhor a graça... (citar o pedido).
Isso vos pedimos para a glória de Deus, nosso Pai querido.

São Marcelino Champagnat, rogai por nós!

Que Assim Seja.

ORAÇÃO A SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT (2)

São Marcelino rogai por nós;
fazei-nos perseverantes no bem;
fazei frutificar o trabalho de nossas mãos em favor do evangelho, para que sigamos sempre os passos de Jesus e de Maria.

"Tudo a Jesus por Maria,Tudo a Maria para Jesus."

Que Assim Seja.

VIDA DE SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT

São Marcelino nasceu em 20 de maio de 1789 no povoado francês de Marlhes, uma localidade onde predominava o analfabetismo. Sua mãe e sua tia serviram de modelos e guias para a afirmação de seus primeiros passos como cristão, e uma criação com fé e oração. Logo passou a despertar em Marcelino a vocação mariana. A formação intelectual do jovem Marcelino foi bastante trabalhosa por falta de professores competentes. Sabe-se que ele negou a voltar à escola depois de ver como os professores maltratavam a um aluno e se dedicou a trabalhar na granja dos pais. Em 1805 quase analfabeto, respondeu generosamente ao chamado de Jesus foi ser sacerdote. Transcorridos alguns anos no seminário menor de Verrieres (1805-1813) ingressou no seminário maior de Lyon onde recebeu a formação ideológica e espiritual.

Um grupo de doze seminaristas entre os quais o próprio Marcelino promoveram a criação da Sociedade de Maria formada por sacerdotes, irmãos e irmãs religiosos e leigos. Ordenado sacerdote em 22 de julho de 1816 ele foi indicado coadjutor da Vila de La Valla. Logo ficou impressionado com a pobreza cultural desta zona montanhosa e ainda observou que a escola atraia tão poucos que apenas alguns despreparados desejavam aprender.

Fundação dos Irmãos Maristas:

Ao final de 1816 foi chamada a casa de um jovem de 16 anos chamado João Batista Montagne, que estava a morrer sem nunca ter ouvido ouvir falar de Deus. Nos olhos daquele jovem ele percebeu o clamor de milhares de jovens que como ele, eram vitimas de uma trágica pobreza humana e espiritual. Este fato fez com que ele entrasse em ação e em 2 de janeiro de 1817 reuniu seu primeiros discípulos dedicados a formar a Ordem dos Irmãos de Maristas. Ordem dedicada a ensinar aos meninos pobres o cristianismo.

Os primeiros eram jovens do campo na maioria entre 15 e 18 anos, mas habituados a duras tarefas do campo, a meditação e reflexão intelectual e ao trabalho.
Marcelino transmitiu a esses jovens seu entusiasmo apostólico e educativo.
Viveu entre ele como um deles. Ensinou-os a ler, somar, subtrair, a rezar e viver o evangelho a cada dia para chegar a uma comunidade de mestres e de educadores religiosos. Logo os enviou a casa dos mais pobres da comunidade para ensinar os meninos e, às vezes aos adultos, a religião e os primeiros princípios de leitura e escrita.

Entre 1817 e 1824 fundou uma escola primaria no povoado de La Valla e a utilizou para ensinar também a religião.

Durante os seus 51 anos de vida, Marcelino trabalhou consumindo forças para criar a sua família de educadores. Quando veio a falecer em 6 de junho de l840 a Ordem contava com 290 irmãos distribuídos em 48 escolas primarias.

Foi declarado beato em 19 de maio de 1955 pelo Papa Pio XII pelos seus dois milagres plenamente comprovados e pelo terceiro foi canonizado pelo Papa João Paulo II, em 18 de abril de 1999.


3 comentários:

  1. Conhecer a vida deles é interessante! Tantos detalhes que desconhecemos... beijos, chica

    ResponderExcluir
  2. Luconi minha querida.
    Como é bom pasar por aqui, encontrando orações, palavras que nos fortalece a caminhada. Luzes que nos ilumina seguir confiantes na certeza de alcançar as nossas fontes mais sagradas,,,

    Mta paz pra ti
    Saudade, sempre saudade

    Bjs
    Livinha

    ResponderExcluir
  3. Bom Blog, peguei uma oração de cosme e damião. Abraço!

    ResponderExcluir

SEJAM BEM VINDOS SEU COMENTÁRIO É UM INCENTIVO E CARINHO