Seguidores

TRADUTOR

terça-feira, 22 de setembro de 2009

NOSSA SENHORA DE GUADALUPE

NOSSA SENHORA DE GUADALUPE



Aparição de Nossa Senhora de Guadalupe

Um mistério de grande magnitude com o qual os cientistas se deparam é o da imagem de Nossa Senhora de Guadalupe, impressa no manto (tilma) de um indígena mexicano, chamado Juan Diego.
Segundo relato do próprio Juan Diego, uma senhora de radiante beleza apareceu-lhe no dia 9 de dezembro de 1531, quando ele se encaminhava à Missão Franciscana, na cidade vizinha, a fim de assistir à missa. Ela o chamou carinhosamente pelo nome e, após conversar com ele, prometeu vê-lo novamente. Num dos encontros seguintes, disse-lhe para pedir ao bispo para construir uma capela naquele local. Juan Diego procurou o bispo e este, não acreditando em suas palavras, pediu-lhe uma prova.
Ao se encontrar novamente com a senhora, transmitiu-lhe o pedido do bispo e ela mandou que subisse ao alto do morro e colhesse as mais lindas flores que lá encontrasse. Deveria guardá-las em seu manto e levá-las ao bispo, cuidando, porém, de abrir o manto apenas na presença dele. Juan Diego estranhou, pois era inverno e não poderia haver flores naquela época. Porém, fez como lhe fora mandado. Para o seu espanto, no local indicado, encontrou rosas das mais lindas espécies, as quais colheu e levou ao bispo. Chegando lá, abriu o seu manto e, para o assombro dos presentes, enquanto as rosas caíam do seu regaço ao chão, em seu manto foi se plasmando a imagem de uma linda mulher, tal como fora descrita por Juan Diego anteriormente.
A partir desse fenômeno, este manto passou a ser conhecido como o Manto de Nossa Senhora de Guadalupe, e se encontra exposto na Basílica de mesmo nome, no México.
O tecido do manto, onde está impressa a imagem, é uma urdidura feita com fibra de aiate, uma espécie de pita mexicana, que se decompõe por putrefação em aproximadamente vinte anos. Atualmente, já conta com 457 anos, estando em perfeito estado de conservação, apesar de ter permanecido por séculos exposto aos rigores do calor, do pó e da umidade.
O sábio alemão Richard Kuhn, prêmio Nobel de Química, após examinar profundamente uma amostra da pintura, constatou que sua policromia não procede de corantes minerais, vegetais ou animais!
Submetida à análise fotográfica com raios infravermelhos, dois cientistas da NASA constataram que:
O manto não foi submetido a nenhum processo que pudesse atuar como elemento protetor, o que torna simplesmente inexplicável sua conservação.
Inexiste esboço prévio na "pintura", como os que se descobrem, pelo mesmo processo, nos quadros dos grandes mestres. A imagem foi pintada diretamente, sem esboços nem correções;
Não há pinceladas. A técnica utilizada é totalmente desconhecida na história da pintura. É inusitada, incompreensível e irreproduzível.
Não bastasse tudo isso, a imagem apresenta ainda um fenômeno incrível, a atestar sua origem e o objetivo com que foi produzida. Trata-se da descoberta do Dr. Aste Tonsmann, através da digitalização da íris dos olhos de Nossa Senhora. O processo utilizado consiste em dividir a imagem em quadriculados microscópicos de tal magnitude que um milímetro quadrado fica subdividido em 27.778 quadradinhos. Ampliando 2.000 vezes cada um desses quadradinhos, foi possível observar pormenores impossíveis de serem captados à  simples vista. A íris humana reflete, como um espelho, as imagens que estão sendo observadas. Pois bem, a íris da pintura de Guadalupe está refletindo o seguinte: um índio em atitude de desdobrar a sua tilma diante de um franciscano; o próprio franciscano em cujo rosto se vê deslizar uma lágrima, um camponês muito jovem, com a mão posta sobre a barba em atitude de consternação; um índio com o dorso despido em atitude quase de oração; uma mulher de cabelos crespos, provavelmente uma negra da criadagem do bispo; uma mulher e uns meninos com a cabeça meio raspada e outros religiosos franciscanos.
É impossível alguém pintar num espaço pequeno como o da córnea de um olho impressa em uma imagem de tamanho aproximado ao do natural uma cena (presumivelmente aquela em que, segundo o relato citado, deu-se a aparição de Nossa Senhora na tilma), que foi preciso ampliar tanto para poder ser percebida.

Fonte: Site Cadê Meu Santo.

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DE GUADALUPE (1)

Perfeita, sempre Virgem Santa Maria, Mãe do Verdadeiro Deus, por quem se vive. Tu que na verdade és nossa Mãe Compassiva, te buscamos e te clamamos. Escuta com piedade nosso pranto, nossas tristezas. Cura nossas penas, nossas misérias e dores.

Tu que és nossa doce e amorosa Mãe, acolhe-nos no aconchego do teu manto, no carinho de teus braços. Que nada nos aflija nem perturbe nosso coração. Mostra-nos e manifesta-nos a teu amado Filho, para que Nele e com Ele encontremos nossa salvação e a salvação do mundo. Santíssima Virgem Maria de Guadalupe, faz-nos mensageiros teus, mensageiros da Palavra e da vontade de Deus.

Que Assim Seja.

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DE GUADALUPE (2)

Amabilíssima Senhora de Guadalupe, vós que sempre escolheis os mais humildes e simples para Vos fazer vista, concedei-nos esta humildade e simplicidade que tanto amais.

Vós que adotastes a Juan, como a um filho predileto, dizei-lhe o amamos e admiramos sua fidelidade e santidade. Vós que sois a Mãe da paz, alcançai-nos de Vosso amabilíssimo Filho esta paz que tanto o mundo precisa e o retorno de tantos filhos pródigos que necessitam mais que nunca, retornar à casa paterna. Por Cristo Nosso Senhor.

Que Assim Seja.

5 comentários:

  1. Que a Paz tenha sempre morada em nosso coração!... Uma boa noite!

    ResponderExcluir
  2. A história de nossa senhora de guadalupe é muito bonita

    ResponderExcluir
  3. Nossa Senhora de Guadalupe, coloco em seu coração as minhas preces certa de que, olhará por elas, Amém.

    ResponderExcluir
  4. Nossa Senhora de Guadalupe, coloco em seu coração as minhas preces certa de olhará por elas, Amém.

    ResponderExcluir
  5. eu so oro para Deus e tudo que eu peço para Deus em nome do Senhor Jesus Deus me da...

    ResponderExcluir

SEJAM BEM VINDOS SEU COMENTÁRIO É UM INCENTIVO E CARINHO